Masthead header

Em busca de tesourinhos deprimentes ::: Searching for hidden treasures

Este sábado foi dia de partir em busca de tesourinhos deprimentes. Nunca ouviram esta expressão? Bem, eu também não tinha ouvido até a Conceição, uma amiga e cliente se referir a alguns objectos escondidos no meio de coisas que não prestam para nada como Tesourinhos Deprimentes. A expressão ficou e somos já um grupo grande que se refere aos mesmos desta forma ternurenta!

This Saturday I decided to go in search of (hidden) depressing treasures. Have you ever heard such an expression? Well I hadn’t until Conceição, a friend and client, referred the objects you find mixed with no good stuff as depressing treasures. The expression stuck and now there is a big group of people that denominates such objects in this lovingly manner!

Assim sendo no sábado bem cedinho, eu, a bebé Leonor e a minha amiga Rosália, partimos em busca de algumas retrosarias do tempo do arroz de quinze para ver se aí descobríamos algum tesouro! Mas uma porta fechada fez-nos recear uma viagem em vão! Dirigimos-nos depois a uma loja dos tempos de hoje à procura de tesouros de ontem e qual foi o nosso espanto ao encontrarmos, não um mas muitos tesourinhos deprimentes!

So, very early on Saturday morning me, my baby Leonor and my friend Rosália set sail in search of haberdashery’s from old days past to see if we could find some treasures there. But a closed door in such a store made us fear our trip had been in vane! We then decided to go to a store of today in search of treasures of yesterday and to our (big) surprise we found not one but several treasures!

 
Já ouviram falar do Retrozão & Companhia em Matosinhos na Rua de Álvaro Castelões? Se calhar já mas talvez nunca tenham imaginado o que por lá se descobre!
Have you ever heard about Retrozão & Companhia situated at Rua Álvaro Castelões in Matosinhos? Probably yes but I can almost bet that you could never imagine what can be found there!

Não sabíamos bem por onde começar e muito menos o que escolher! No meio de uma grande confusão conseguimos decobrir muitos tesourinhos, já não nas suas bonitas embalagens originais mas de qualquer modo em quantidade para nos encherem o olho (e esvaziarem a carteira, claro)!
We didn’t know exactly where to start and far less what to choose! In the middle of a big confusion we were able to find a lot of treasures, no longer in their original beautiful packages but still good and plenty enough to fill our eyes (and empty our pockets, of course)!

A funcionária da loja confessou que nunca tinha vendido tantos botões e nós acreditamos! Para a próxima vamos atacar as lojas velhinhas da baixa do Porto. Aceitamos sugestões! Falo no plural porque claro que a minha companheira Rosália vai de certeza alinhar comigo!
The lady from the shop admitted that she had never sold so many buttons before and we believe her! Next time we will head to the old haberdashery stores at downtown Porto. We accept suggestions! I say we because my faithful companion Rosália will for sure join me in my next adventure!
E se por acaso forem até ao Retrozão de Matosinhos digam à funcionária que quem recomendou a loja foi a senhora com uma bebé e uma máquina fotográfica sempre a disparar.
And if my any chance you happen to go to Retrozão in Matosinhos tell the store lady that it was the girl with a baby and a big camera that sent you there.
P.S. Apesar de este ter acabado por ser o meu trabalho de casa da terceira semana do BYW adorei este passeio!
P.S In spite this ended up being my week three homework for BYW I loved this walk and it’s findings! 
  • Tatica - Adoro botões. Mas nunca sei muito bem o que fazer com eles porque não são coisas que utilize nas minhas festas. De qualquer forma, ando a ver se encontro maneiras de os usar, talvez nas lembrancinhas…
    Gostei muito dos teus novos tesouros, principalmente daqueles coloridos nos tons amarelo, água, laranja, azul e preto. São deliciosos! 🙂ReplyCancel

Your email is never published or shared. Required fields are marked *

*

*